Imprensa Oficial promove campanha entre servidores para reduzir consumo de energia elétrica

Compartilhe:

A Imprensa Oficial do Estado do Amazonas (IOA) vem promovendo uma campanha entre seus servidores sobre o consumo consciente de energia elétrica no ambiente de trabalho. O objetivo é compartilhar entre os funcionários alternativas e condutas preventivas sobre o uso e funcionamento correto de recursos e equipamentos elétricos com intuito de gerar economia financeira e energética.

“Se liga nessa ideia! É hora de economizar energia” é o nome da campanha, que passou a circular nos canais de comunicação interna da Imprensa Oficial, como murais de aviso, redes sociais, sistema intranet, e-mail marketing e WhatsApp. Além de gerar economia na conta de energia, o uso consciente dos recursos e equipamentos elétricos contribui favoravelmente para o meio ambiente e o planeta.

Dentre as medidas sugeridas estão: evitar deixar aparelhos em modo stand by, retirar carregadores de celular de tomadas quando não utilizados, desligar completamente computadores ao fim do uso, manter portas e janelas fechadas durante o funcionamento de aparelhos de ar-condicionado, evitar manter cafeteiras elétricas ligadas apenas para manter o café aquecido, desligar luzes e ar-condicionado quando o ambiente estiver desocupado e preferir o uso da iluminação natural.

De acordo com o gerente de Manutenção e Logística da IOA, Erik Porto, a campanha é importante por informar como cada servidor pode ajudar na redução do consumo energético e como a Imprensa Oficial como órgão público pode contribuir para o mesmo objetivo.

“É de suma importância a Imprensa Oficial estar fazendo a parte dela, tanto para ajudar no meio ambiente quanto para as questões financeiras, e também para ajudar o Brasil a tentar superar essa crise na geração de energia elétrica”, disse Erik Porto.

Horários do expediente – Além da campanha, outra medida importante da Imprensa Oficial para gerar economia de energia elétrica foi o reajuste nos horários do expediente dos funcionários para 8h às 17h, e não mais até as 19h, como anteriormente especificamente para os operadores do Parque Gráfico.

Segundo o diretor-presidente da IOA, João Ribeiro Jr., a medida visa restringir a circulação de servidores apenas no horário comercial, diminuindo o tempo do uso de recursos e equipamentos elétricos.

“Antes, o nosso Parque Gráfico funcionava até as 19h ou mais. Agora, delimitamos os horários na intenção de gerar economia, de modo, é claro, a não comprometer nossas operações e entrega de serviços gráficos e também respeitando os protocolos contra a Covid-19”, reforçou João Ribeiro Jr.