Manifestantes ocupam as ruas em Manaus

Compartilhe:

O movimento denominado Dia Nacional de Luta, convocado pelas Centrais dos Trablahadores, ganharam as ruas em Manaus. Na Avenida Eduardo Ribeiro, por exemplo, nada menos do que três mil manifestantes protestaram com seus estandartes na mão contra a jornada de 44 horas de trabalho, contra os gastos exorbitantes desembolsados para construção de estádios de futebol, contra o sucateamento da saúde, contra o pouco investimento à Educação e tantos outros.

A passeata é tranquila e cresce a cada momento. As pessoas surgem de todos os lados e se juntam as demais com seus apitos na boca e palavras de ordem, principalmente, contra os governos tanto estadual, federal quanto municipal.

Os manifestantes prometem caminhar até a Assembleia Legislativa do Amazonas.