No Dia da Enfermagem, boneco de Bolsonaro sujo de sangue é inflado na Esplanada

Compartilhe:

PODER3609 – Um boneco do presidente Jair Bolsonaro com as mãos sujas de sangue foi inflado nesta 3ª feira (12.mai.2020) na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, na altura da Torre de TV.

O ato foi realizado no dia em que se comemora o Dia da Enfermagem. Pessoas vestidas de jalecos brancos e usando máscaras seguraram uma faixa com a frase “Os que lavam as mãos, os fazem numa bacia de sangue”, de Bertolt Brecht.

Bolsonaro é contra o isolamento social da forma que vem sendo feita. Defende que apenas pessoas doentes e idosos –grupo de risco– cumpram a quarentena. O presidente quer reabrir o comércio em uma tentativa de reaquecer a economia. A atitude foi criticada pelos manifestantes.

O deputado José Guimarães (PT-CE) compartilhou a imagem em sua conta no Twitter. Ao Poder360 disse que “essas manifestações pacíficas são a forma que as pessoas da saúde –que mais estão sofrendo com a pandemia– encontram de pedir respeito ao Executivo”. O congressista lembrou da agressão que enfermeiros sofreram durante 1 protesto em 1º de maio e caracterizou a violência como inaceitável.

Pelo o que se vê na foto, não houve aglomerações.

A Esplanada é uma das ruas mais importantes da capital. Reúne palácios do governo, os ministérios, a Rodoviária de Brasília, o Museu Nacional e a Biblioteca Nacional.

O artista responsável pela obra é Raphael Sebba. É o mesmo que em 11 de julho de 2018 fez 1 boneco vampiro do ex-presidente Michel Temer (MDB), inflado em 1 protesto de servidores por reajustes salariais. Em sua conta no Instagram, Sebba postou uma foto ao lado do boneco.