Relatório final da CPI da Pandemia deve propor indiciamento de ao menos 30 pessoas, diz Omar

Compartilhe:

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, Omar Aziz (PSD-AM), disse à CNN que a expectativa é de que o relatório final da comissão de inquérito proponha o indiciamento de pelo menos 30 pessoas.

O senador considera que será impossível o Procurador-Geral de Justiça, Augusto Aras, engavetar o relatório da CPI. O parecer final deve ser apresentado no dia 19 de outubro, depois de uma cerimônia em frente ao Congresso Nacional em homenagem às vítimas do novo coronavírus.

Nomes na lista

Ao todo, a lista de investigados do relator, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), soma 32 pessoas, incluindo políticos, médicos e empresários.

Calheiros disse à CNN que o número final de pessoas que podem ser indiciadas não foi fechado, mas salientou que enviará à PGR (Procuradoria-Geral da República) apenas os nomes que tiverem prerrogativa de foro.

A ideia é enviar os demais pedidos de indiciamento para ministérios públicos estaduais, procuradorias-gerais dos estados, tribunais de contas e assembleias legislativas.