Tráfico humano rende U$32 bilhões por ano no mundo

Compartilhe:

Segundo relatório da ONU, apontado pela CNBB, no texto-base da Campanha da Fraternidade 2014, o tráfico humano rende tanto quanto o de drogas ou de armas, explorando, segundo a Organização Internacional do Trabalho, 21 milhões de pessoas, principalmente jovens e mulheres.